Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
30/12/19 às 11h27 - Atualizado em 30/12/19 às 11h48

Fim de semana teve 35 flagrantes alcoolemia e um acidente fatal

Durante as ações da Operação Boas Festas, agentes também flagraram 16 condutores sem habilitação e um com o direito de dirigir cassado

 

Zélia Ferreira

 

Brasília (30/12/2019) – As ações de fiscalização do Departamento de Trânsito do Distrito Federal, durante o fim de semana, flagraram 35 condutores dirigindo sob a influência de álcool, sendo um deles foi conduzido à delegacia por apresentar teor alcoólico considerado crime previsto no artigo 306 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

De sexta-feira (27) até a madrugada de domingo (30), os agentes ainda autuaram 20 condutores não habilitados, 16 com a Carteira Nacional de Habilitação vencida há mais de 30 dias e um com o direito de dirigir cassado.

As ações integram a Operação Boas Festas, realizada em diversos pontos do Distrito Federal, e resultaram em 355 autuações diversas e na remoção de 58 veículos aos depósitos da autarquia. Sete condutores tiveram o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) recolhido por alteração de características – como escapamento fora das especificações e suspensão rebaixada – ou por apresentarem irregularidades que não possam ser sanadas no local.

Em Sobradinho, na madrugada de domingo para segunda, os agentes apreenderam um veículo Amarok com mais de R$ 8 mil em débitos, sendo R$ 6,4 mil só em multas. O condutor ainda se recusou a fazer o teste de alcoolemia e foi notificado de acordo com o artigo 165 do Código de Trânsito Brasileiro. A infração resulta em multa de R$ 2.934,70 e processo de suspensão do direito de dirigir.

Acidente fatal

Na manhã de sábado, por volta das 6h30, as equipes do Detran foram acionadas para atender uma ocorrência de acidente de trânsito entre motocicleta e veículo, no cruzamento da Avenida Elmo Serejo com a via Leste. Uma equipe da Polícia Militar já estava no local e informou que o condutor do veículo Renault Clio tinha sido levado ao Hospital Regional de Ceilândia pelo Samu e, infelizmente, o condutor da moto Honda Twister estava em óbito. Os agentes assumiram a ocorrência e fizeram a preservação do local até a realização da perícia pela Polícia Civil, que solicitou uma equipe do Detran para acompanhá-los ao hospital e oferecer o teste do etilômetro ao condutor do Renault Clio. O condutor se recusou a realizar o teste e foi notificado pela recusa, conforme previsto no artigo 165-A do CTB.  Ao final da perícia, os veículos foram removidos ao depósito – o Renault por falta de licenciamento e a moto por possuir restrição administrativa “registro baixado”.

Departamento de Trânsito do Distrito Federal - Governo de Brasília

DETRAN

SAM Lote A Bloco B - Edifício Sede do Detran/DF CEP 70.620-000 Central de Atendimento ao Cidadão: 154 (para quem está no DF) ou (61) 3120-9800 (para quem está fora do DF)