Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
26/07/19 às 10h10 - Atualizado em 26/07/19 às 13h23

Operação desarticula esquema de rachas

 

(Brasília – 26/7/2019) – Na madrugada desta sexta-feira (26), a Diretoria de Policiamento e Fiscalização de Trânsito do Detran, juntamente com o Batalhão de Trânsito da Polícia Militar, desarticulou um esquema de rachas que aconteciam no Plano Piloto. A Operação Ressaca, que tem por objetivo retirar de circulação os condutores que trazem extremo perigo à segurança no trânsito, foi realizada nas proximidades do Shopping Popular e antiga rodoferroviária.

 

O planejamento da operação se deu a partir do trabalho do serviço de inteligência do Detran, que descobriu que, todas as quintas-feiras, grupos de condutores se reuniam ali para realizar demonstrações de manobras perigosas e planejar os locais onde fariam os  “rachas”. Depois, os integrantes do evento se deslocavam ao Setor Noroeste, Eixo Monumental e Via Estrutural para praticar as disputas.

 

O evento no Shopping Popular já vinha sendo monitorado pelos agentes, que averiguaram diversas irregularidades no local, inclusive que condutores alteravam a característica original do veículo para que conseguissem atingir velocidades acima da condição original que o automóvel permitia.

 

Na operação foram abordados cerca de 120 veículos e resultou no flagrante de quatro condutores realizando rachas, 25 veículos rebaixados e com características alteradas, seis condutores inabilitados, três dirigindo sob influência de álcool e outros 15 cometendo infrações diversas. No total, 12 veículos foram recolhidos ao depósito e os veículos rebaixados tiveram seus documentos recolhidos para que o proprietário regularize a situação do veículo junto ao Detran.

 

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro, utilizar-se do veículo para demonstrar ou exibir manobra perigosa, mediante arrancada brusca, derrapagem ou frenagem com deslizamento ou arrastamento de pneus, é infração gravíssima que prevê a aplicação de multa de R$2.934,70 e suspensão do direito de dirigir, além de ser considerado crime de trânsito.

 

Efetivo

A operação conjunta contou com a participação de 52 agentes de trânsito, 24 policiais militares, 35 viaturas, o helicóptero do Detran e o apoio de quatro guinchos.

 

 

Departamento de Trânsito do Distrito Federal - Governo de Brasília

DETRAN

SAM Lote A Bloco B - Edifício Sede do Detran/DF CEP 70.620-000 Central de Atendimento ao Cidadão: 154 (para quem está no DF) ou (61) 3120-9800 (para quem está fora do DF)